Pesquisar

A- A A+

Login

Autenticar

Login

Utilizador *
Senha *
Memorizar

RB02 - Lombo do Mouro

Formações CVM3 e CVS1 © Brum da Silveira

Código do geossítio: RB02

Denominação: Lombo do Mouro

Categoria temática: Estratigrafia e Vulcanologia 

Localização geográfica no ortofotomapa - RB02

Concelho: Ribeira Brava

Freguesia: Tabua

Área do local: ‹ 0,1 ha

Coordenadas(1):32°44'05.3'' N 17°03'12.3'' W

Altitude: 1356 m

Acessibilidade: fácil

Distância à estrada asfaltada mais próxima: 1 m

Condições de observação: boas

(1) Coordenadas do geossítio e/ou melhor ponto de visualização

 

Descrição sumária 

O geossítio é considerado o melhor local para observar o contacto entre a Formação dos Lombos (CVS1), pertencente ao Complexo Vulcânico Superior e a Formação do Curral das Freiras (CVM3), pertencente ao Complexo Vulcânico Intermédio. O contacto é feito por uma superfície de erosão que marca uma inconformidade identificada à escala da ilha.
O local é também uma referência na caracterização destas duas formações estratigráficas, pela representatividade dos afloramentos, as boas condições de visibilidade e perspetiva de conjunto, em detrimento de outros locais situados, respetivamente, na região da Calheta (CVS1) e na região do Curral das Freiras (CVM3).

 

Notas relevantes

Este geossítio abrange um afloramento situado num talude da estrada regional ER 110. Por este facto, o observador pode correr algum perigo com o tráfego rodoviário.
A visita ao local de interesse geológico é da inteira responsabilidade do utilizador.
O utilizador deve tomar as devidas precauções quando visita o local, tendo em atenção as condições  do terreno,  condições climatéricas e outros perigos, para que não se criem situações que coloquem a sua integridade e a de outros em risco.
O utilizador deve respeitar a propriedade privada. O acesso a zonas privadas requer autorização prévia dos proprietários.
O utilizador deve respeitar o património natural mantendo-o intacto.  O impacto das suas ações deve ser mínimo. 

 

Estatuto de proteção

Espaço natural, arriba e escarpa (secção V, artigos 58.º a 60.º), conforme Plano Diretor Municipal.

Extrato da carta geológica da ilha da Madeira, folha a - RB02

 Extrato da carta geológica da ilha da Madeira, folha a - RB02

 Legenda da carta geológica da ilha da Madeira

Bibliografia

BRUM DA SILVEIRA, A.; MADEIRA, J.; RAMALHO, R.; FONSECA, P., PRADA, S. (2010) - Notícia Explicativa da Carta Geológica da ilha da Madeira, na escala 1:50.000, folhas A e B. Edição da Secretaria Regional do Ambiente e Recursos Naturais, Região Autónoma da Madeira e Universidade da Madeira: 47 p. ISBN: 978-972-98405-2-4. (Editado em 2011).

BRUM DA SILVEIRA, A.; MADEIRA, J.; RAMALHO, R.; FONSECA, P.; RODRIGUES, C., PRADA, S. (2010) Carta Geológica da ilha da Madeira na escala 1:50.000 - Folha A e B. Edição da Região Autónoma da Madeira, Secretaria Regional do Ambiente e Recursos Naturais; ISBN: 978-972-98405-1-7 (Editado em 2011).

BRUM DA SILVEIRA, A.; PRADA, S.; RAMALHO, R.; MADEIRA, J.; FONSECA, P.; CANHA, E.; BRILHA, J. (2012). Inventariação do Património Geológico da ilha da Madeira. Secretaria Regional do Ambiente - Relatório Final, 414 p.

GELDMACHER, J.; VAN DEN BOGAARD, P.; HOERNLE, K. & SCHMINCKE, H-U. (2000) Ar age dating of the Madeira Archipelago and hotspot track (eastern North Atlantic) Geochemistry, Geophysics, Geosystems 1, [Paper number 1999GC000018].

Galeria de fotos

Lombo do Mouro - contacto entre o CVS1 e o CVM3 © Brum da Silveira

Google Analytics